2 eventos ao vivo
Logo do Bastidores
Foto: terra

Bastidores

“Eficiência na pista e na passarela”, diz atleta paralímpico

29 abr 2016
19h52
atualizado às 19h55
  • separator
  • comentários

Quatro dos principais nomes do atletismo paralímpico brasileiro abriram o desfile de João Pimenta no SPFW, nesta quinta-feira (28). “Levei minhas medalhas junto comigo para mostrar que o deficiente tem eficiência na pista e na passarela”, disse Matheus Evangelista Cardoso, que tem os movimentos do lado direito do corpo prejudicados devido à paralisia cerebral e é o atual recordista mundial do salto em distância.

Matheus Evangelista Cardoso é o atual recordista mundial do salto em distância
Matheus Evangelista Cardoso é o atual recordista mundial do salto em distância
Foto: Francisco Cepeda / AgNews

“Serve como divulgação do nosso trabalho, do esporte paralímpico. Acho muito importante”, comentou Claudiney Batista dos Santos sobre o convite para estrear na passarela. Um acidente de moto em 2005 levou à amputação da perna esquerda, mas hoje coleciona vitórias, como ouro no lançamento de dardo, prata no lançamento de disco e bronze no arremesso de peso nos Jogos Parapan-Americanos de Toronto-2015 e prata no lançamento de disco no Mundial de Atletismo de Doha-2015.

Claudiney Batista dos Santos teve a perna amputada devido a um acidente de moto e recebeu o convite para ser atleta no hospital
Claudiney Batista dos Santos teve a perna amputada devido a um acidente de moto e recebeu o convite para ser atleta no hospital
Foto: Francisco Cepeda / AgNews

“Era halterofilista antes do acidente e, por achar que a vida tinha acabado ali, pensava que não poderia praticar mais nenhum esporte. Mas no hospital mesmo recebi o convite (para ser atleta). Rejeitei a ideia no início, mas, depois de um ano, fui lá para conhecer e estou até hoje”, contou Claudiney.

Elizabeth Rodrigues Gomes tem esclerose múltipla e estreou na passarela exibindo suas medalhas
Elizabeth Rodrigues Gomes tem esclerose múltipla e estreou na passarela exibindo suas medalhas
Foto: Francisco Cepeda / AgNews

Já Matheus ingressou na carreira de atleta após uma palestra na escola sobre esporte paraolímpico. “No fim, eu me apresentei para o meu professor e falei que queria uma chance para conhecer. Logo em seguida, fui para uma competição de atletismo, me apaixonei e estou até hoje.”

Silvania Costa de Oliveira apresenta deficiência visual e ganhou ouro em salto em distância no Mundial de Atletismo de Doha-2015
Silvania Costa de Oliveira apresenta deficiência visual e ganhou ouro em salto em distância no Mundial de Atletismo de Doha-2015
Foto: Francisco Cepeda / AgNews

A apresentação da grife também contou com duas esportistas: Elizabeth Rodrigues Gomes, que tem esclerose múltipla e ganhou ouro no lançamento de disco e prata no arremesso de peso nos Jogos Parapan-Americanos de Toronto-2015; e Silvania Costa de Oliveira, cuja visão regride aos poucos devido à doença de Stargardt e é ouro no salto em distância no Mundial de Atletismo de Doha-2015.

Ponto a Ponto Ideias

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade