publicidade
19 de junho de 2012 • 07h46 • atualizado às 08h02

Confira as tendências "quentes" do SPFW Verão 2013

Estilistas do SPFW mostraram nas passarelas as tendências para o próximo verão no Brasil
Foto: Terra
 
Rosângela Espinossi
Direto de São Paulo

Com o final da temporada de verão 2013, resta ir preparando espaço no guarda-roupa para uma modelagem chique e elegante, mas com uma pegada esportiva e mergulhos submarinos, que mostra sem exagero o corpo feminino e vem em cores que variam das mais claras a algumas quentes.

Muitas estampas, metais e plastificados entre as tendências. E mesmo sendo de verão, jaquetas e casacos deram as caras. Confira as principais tendências vistas na temporada paulistana.

Lembrando que em outubro tem mais, para acertar o calendário da cadeia têxtil. O dia exato não se sabe, mas a certeza é de que não será na Bienal, porque entre o fim de outubro e começo de novembro, período previsto, o prédio abrigará uma exposição.

Peças-chave
Jaquetas, casacos, blazers, boleros, casaquinhos curtos, de manga três quartos, anorak ou parka. Não é texto errado de inverno, não. Os estilistas que se apresentaram no SPFW mostraram sim essas peças, talvez para quando bate aquele friozinho, de repente, em pleno verão. Mas tem também shorts, muitos; shorts-saia, bem práticos de usar; bermudas, algumas ciclistas, outras mais larguinhas, conforáveis; coletes, vários também, justos, estilo boxer, inspirados na onda esportiva. Vestidos e saias mais larguinhas, mas sem exageros, ou justas, contornando o corpo, como as várias saias-lápis. Camisas, camisas e camisas, além de macacões e calças cropped, outras apostas da temporada. Os conjuntinhos também continuam, com calças ajustadas e túnicas, boleros/shorts, vestido/casaquinho.

Onda esportiva
Não confundir com o o tal do esporte chique dos convites de festa. Com a chegada das Olimpíadas, a roupa esportiva vem com uma 'roupagem' mais urbana e com refinamento no acabamento. Agasalhos esportivos, em tecidos como linho e tecnológicos, são transformados em roupas para o dia a dia, mas sempre elegantes. Jaquetas com cós e zíperes, calças folgadinhas, como os conjuntos de esporte surgem com acabamento brilhante, transparências e mistura de materiais. E claro, os shorts entram nessa onda.

Universo Marítimo
Ok, é verão, só que o mar que estilistas propõem não é apenas o das praias e areias, mas também das águas superficiais, das ondas, dos barcos e das profundezas. Estampas de fundo do mar e azuis profundos, aspecto molhado, tanto na maquiagem como em alguns tecidos (vide desfile da Ellus), cores de praia, sol e céu em várias fases do dia, além de elementos de surfistas, como na Osklen e Colcci, e barcos estampados e cordas de enfeite, como em Reinaldo Lourenço, marcaram presença.

Brasilidade
Elementos brasileiros estão garantidos no verão 2013. Coqueiros, frutas, sementes da Amazônia em maxicolares. Aliás, os coqueiros e as folhagens típicas da mata mantêm-se na estação, tendência que já vem da temporada passada.

Metaleiro
Outra tendência que continua na próxima temporada quente são o metais, ouro e prata dividem espaço com cobre e cores que recebem tratamentos metalizados. O ouro, aliás, já vem quente há algumas estações e surgiu em lurex, foil e outros tecidos lisos. O prata também aparece até em ternos masculinos, como mostrou João Pimenta e Cavaleira, em seus ternos com bermuda. O brilho também entra com menos intensidade, até em jeans, como na Ellus.

Plastificado
Efeito plastificado e o próprio material faz parte de muitos looks de verão. Entram em detalhes ou cobrindo a roupa toda. Vai tanto em produções femininas quanto masculinas.Estamparia

Não tem jeito, o verão 2013 confirma a tendência estampada, como foi visto nos Rio de Janeiro. De folhagens a flores, paisagens, geométricos, xadrezes, camuflados, listras coloridas, imagens de praias, frutas, barcos e fundo do mar. Quase todas as grifes mostraram suas criações em estamparias, ora bem figurativas, ora manchadas, desmanchadas, estilizadas.

Cores
Claras, do branco ao cinza leve, passando por candy colors e tons mais fortes, até para os homens, como azuis, coral, rosa, lima, verde, amarelo. Um preto aqui e terrosos ali também entram.

Altura
Muitos vestidinhos e shorts curtos, outros pelos joelhos e alguns poucos longos. Blusas, casacos, vestidos e saias mullet (mais curtos) também se mantêm. Parece que a assimetria veio para ficar na estação quente, inclusive com tecidos sobrepostos formando alturas diferentes.

Shape
Silhueta oversized, largona, apareceu, mas o corte de reto, ora mais ajustado ora levemente afastado do corpo também. Entre as principais referências estão os anos 50, com dorso justo e saia-lápis ou com certo volume, godê ou franzido. A pegada esportiva nos traz de volta os anos 90, e um pouco dos 80 também surge. Os ombros vêm arredondados. E há também panejamentos laterais, formando drapeados e volumes assimétricos. Para os homens, os costumes vem ajustados, inclusive com os paletós acinturados. Peplum ou basque, aquele babadinho que dá certo volume a partir da cintura continua, alguns apenas na parte de trás.

Vela e Revela
As transparências vieram para ficar e se misturam com tecidos opacos ou se abrem em vazados, como tem se visto há algum tempo. E se não há decotes profundos na frente, nem fendas exageradas, os estilistas apostam em deixar as costas à mostra. Mas o tule sustentando as peças, como se flutuassem, e geometria formada pelas espaços transparentes continuam.

Acessórios
Os sapatos estão bem altos e nos desfiles de São Paulo se viu menos anabelas que no Rio. Por aqui também, mais ankle boots para os dias quentes, algumas peep toes outras abertas atrás. A Osklen trouxe sandálias baixas e retas. Mas nada é simples, os calçados vêm com enfeites, coloridos, bicolores, transparências, forrados, brilhos. Bolsas de mão e carteira, além de outras maiores, com brilho. E viva os maxiacessóiros, com colares, brincos e muitas pulseiras, em metal, acrílicos e naturais, com muitas cores em tons básicos. Tem chapéu também, mas será que pega?

Beleza
Maquiagem molhada, gloss no olho, menos rímel, sobrancelha em evidência, boca natural ou colorida em vermelho, rosa, coral. E muito iluminadora, para dar ar saudável à pele fresca de verão. Os cabelos vem lisos, muitos, levemente ondulados, presos em rabos baixos e até com topete no alto. Vários apresentaram também o altoda cabeça meio molhado com o restante dos fios soltos, como se os cabelos tivessem recém lavados ou saídos de um mergulho.

SPFW Verão 2013
O Terra, a maior empresa latino-americana de mídia digital, transmitiu ao vivo e em HD os desfiles do São Paulo Fashion Week Verão 2013, inclusive para smartphones e tablets. Nesta edição, de 11 a 16 de junho, foram 8 horas ao vivo em vídeo por dia. Como âncoras, o estúdio da parceria Terra e FFW TV, direto do prédio da Bienal, no Parque do Ibirapuera, em São Paulo, contou com um quarteto de peso: Erika Palomino, Sarah Oliveira, Paola de Orleans e Lara Gerin.

O maior e mais importante evento de moda da América Latina reuniu 32 desfiles que apresentaram coleções de verão para 2013. Entre as novidades, esteve a volta de Ronaldo Fraga, que pulou a edição de inverno, em janeiro. Outro retorno foi o da marca Forum, que não desfilava há seis anos. Paula Raia, que estreou no verão passado, pulou inverno, mas participou dessa edição, que teve ainda a estreia de Teca por Helô Rocha, vinda do Fashion Rio, e de Vitorino Campos, estilista baiano de 24 anos. Além de reunir celebridades nacionais na plateia, o SPFW trouxe ainda as modelos mais importantes do Brasil, como Ana Beatriz Barros e Izabel Goulart. As tops internacionais Candice Swanepoel e Rosie Huntington-Whiteley foram destaques desta edição.

Ponto a Ponto Ideias