publicidade
08 de setembro de 2012 • 18h26 • atualizado em 09 de Setembro de 2012 às 08h58

Cores e estampas marcam desfile da Lacoste em NY

A tradicional camisa pólo ganhou reforço de peças com modelos inusitados
Foto: Andrea D’Andrea/Terra
  • Direto de Nova York
 

A Lacoste abriu o terceiro dia de desfiles em Nova York apresentando uma coleção recheada de cores claras e vibrantes. Peças amplas e soltas, cinturas baixas e roupas que privilegiaram o conforto foram os pontos principais que o estilista Felipe Baptista destacou em seu desfile.

Na passarela, muitos looks monocromáticos e estampas que se repetiam tanto no guarda-roupa feminino quanto no masculino. Uma grande democratização e globalização do vestuário em que os dois sexos usam livremente desenhos e referências visuais iguais.

Felipe também aderiu à tendência das bolsas com o mesmo desenho das roupas, que vem crescendo nas coleções primavera 2013 de vários estilistas.

Shorts e saias curtas, bem acima dos joelhos, foram usados com capas compridas esvoaçantes. Enquanto a tradicional camiseta pólo com o logo do jacaré estava presente em diversos modelos e também foi usada em macacões e vestidos, tipo tenista.

Já as golas variaram do modelo polo às bem trabalhadas, largas ou mais justas, mas sempre com muita criatividade e estilo. A Lacoste também soube investir e criar roupas que fugiram do padrão da marca, mas que mantiveram um estilo informal e esportivo.

Especial para Terra