0

Fashion Rio volta ao Píer Mauá para edição de transição

1 nov 2012
13h30
atualizado em 7/11/2012 às 13h34
  • separator
  • comentários

Fashion Party é o nome que recebe a 22º  edição do Fashion Rio, que assim como a semana de moda paulistana, passa por uma transição em seu calendário . De 7 a 9 de novembro, 17 marcas lançam coleções inverno no Píer Mauá, que volta a ser palco do evento.

Desfile da grife Ausländer na última edição do Fashion Rio
Desfile da grife Ausländer na última edição do Fashion Rio
Foto: Edson Lopes Jr / Terra
Na edição passada, os desfiles aconteceram no Jockey Clube, pois o Píer Mauá recebeu a Conferência da ONU sobre desenvolvimento sustentável.
Segundo a organização do evento, a edição terá clima alegre e descontraído. A cenografia foi assinada pelo ilustrador Filipe Jardim, cujos trabalhos para marcas de moda nacionais e internacionais são bem conhecidos. Filipe já criou estampas para a Neon, Fórum, catálogo para Hermès e fez ilustrações para a Louis Vuitton.
“A Casa das Canoas, projetada e ocupada por Oscar Niemeyer, é uma das minhas inspirações para este trabalho. No meio da Floresta da Tijuca e bem próximo da minha casa, é um lugar por onde sempre passo e admiro, mas poucas pessoas conhecem, apesar da fama do arquiteto. Com traço simples e elegante, a casa tem o estilo do Oscar e ninguém melhor que ele para representar tão bem as curvas da paisagem carioca”, disse.
O salão de negócios Rio-à-Porter será realizado de 6 a 9 de novembro. E os desfile do Rio Moda Hype abrem o evento no dia 7.
Está edição conta com dois dias a menos e 11 marcas ausentes, como Cantão, Coven, Melk Z-Da, New Order, Printing, Giulia Borges e Maria Bonita Extra.
Datas aprovadas
O calendário de moda nacional sofreu mudanças e as temporadas de desfiles foram alteradas para atender melhor à dinâmica de produção, venda e entrega para o varejo brasileiro. O verão passa a ser apresentado em março e o inverno em outubro, em vez de junho e janeiro, como era costume.
A estilista Bianca Bastos, da grife Espaço Fashion, é uma das que comemorou a mudança. "O impacto maior é no atacado. A antecipação aumenta o tempo entre os showrooms e as entregas, o que evita atrasos e cancelamentos de produção. No sistema anterior, para honrar prazos, trabalhávamos com apostas, fazendo os pedidos antes dos showrooms regionais de nossos representantes, prevendo quanto venderíamos de cada referência. Isso provocava altas de estoque. Agora, o showroom é antes do desfile, e só precisaremos pedir realmente o que o cliente comprou. Podemos planejar melhor", disse ao Terra .
“Estou vendo esta mudança de forma positiva. Em função das festas de fim de ano, eu sempre recebia as peças do desfile de janeiro com atraso. As confecções voltavam a trabalhar em cima da hora para o Fashion Rio e isso me atrapalhava muito. Neste edição, já estou vendo resultados – minha produção e a entrega das peças estão funcionando bem. É um questão de tempo até nos acostumarmos à mudança e espero que esta seja benéfica à todas as grifes ", disse a estilista Nica Kessler.
Fashion Business
O Fashion Business também mudou de datas para acompanhar os lançamentos das coleções do Fashion Rio. A bolsa de negócios acontece de 6 a 9 de novembro, no Fashion Mall e Hotel Royal Tulip, em São Conrado.
O tema da edição é o “Tempo”, associado à ideia de mudança e velocidade na moda, que está sempre em busca do que é novo e das referências do momento. “Com a era digital, as informações são transmitidas de forma muito rápida. É tempo de mudança em todas as esferas da sociedade – social, econômica, política e filosófica” diz Eloysa Simão, diretora geral do evento.
A cenografia é assinada por Julia Liberati, que recriou uma representação visual do passar do tempo através da luz que vai estar presente em toda a identidade visual do evento. Fotos e vídeos vão registrar os rastros da luz usando barras de led e processos de superexposição, gerando desenhos que marcam de forma física a passagem do tempo.
Esses desenhos serão usados para ilustrar as peças gráficas e poderão se desenvolver de várias maneiras dentro da cenografia: em paredes de luzes coloridas, tubos de led, instalações de vídeo etc.
O Fashion Business terá 170 marcas, incluindo Richards, CCM, Fruta Cor, Olli, Oma Tees, One Up, Uqbar, Keds, My Shoes e We Wood.  Segundo Eloysa, a reorganização do calendário vai otimizar a produção, criando mais espaço entre a venda das coleções e a respectiva entrega: as grifes conseguirão entregar a tempo todas as encomendas feitas durante o evento, diminuindo assim, os eventuais prejuízos com cancelamentos e devoluções e o preço da roupa para o consumidor final deve diminuir em até 10% com a mudança, aumentando a competitividade do setor. “A partir de agora, toda a cadeia pode organizar melhor a sua produção. Num evento como o Fashion Business, por exemplo, que chega a movimentar mais de R$ 800 milhões em vendas, essa economia pode chegar a 15%, ou seja, R$ 120 milhões”, disse Eloysa.
Confira, abaixo, o line-up completo de outono-inverno 2013 do Fashion Rio:
7 de novembro (quarta-feira)
11h00 Rio Moda Hype
17h00 Acquastudio
18h00 Herchcovitch
19h30 Oh Boy
21h00 Alessa
22h00 TNG
8 de novembro (quinta-feira)
12h00 Bianca Marques
17h00 Oestúdio
18h30 Sacada
19h30 Filhas de Gaia
20h30 2nd Floor
22h00 Espaço Fashion
9 de novembro (sexta-feira)
17h00 R.Groove
18h00 Nica Kessler
19h00 Andrea Marques
20h00 Patachou
21h00 Coca Cola Clothing
22h00 Ausländer
Ponto a Ponto Ideias

compartilhe

comente

  • comentários
publicidade
publicidade